PROPOSTA DO PSD, APRESENTADA NA AMAL, ASSEGURA QUE NENHUM ALGARVIO IRÁ PAGAR MAIS DE PASSE SOCIAL DO QUE EM LISBOA OU NO PORTO

11/04/2019

Foi aprovada a proposta do PSD Algarve, apresentada no dia 5 de abril, pelos autarcas sociais democratas (Presidentes de Câmara), para que da aplicação do programa de redução de tarifários de passes sociais nenhum Algarvio fique sujeito à flagrante injustiça, de pagar mais de 40 euros, tal qual se verifica em Lisboa e Porto. Nenhum Algarvio vai pagar mais de 40 euros de passe, seja qual for o percurso que faça. Esse é o resultado desta proposta.


A proposta original da AMAL - liderada pelo PS - permitiria que da aplicação do programa subsistissem passes sociais com valores próximos dos 100 euros, facto que traduzia um indesejável incentivo à não adesão a este regime e a uma discriminatória aplicação do mesmo, impondo a muitos algarvios um ónus considerável nas suas deslocações.


Esta proposta não acarreta qualquer aumento de custos, apenas a redistribuição dos 900 mil euros entregues pelo Governo, ainda assim um valor per capita, mais de 10 vezes inferior a Lisboa. 


O PSD Algarve entende, que são necessárias mais medidas, já que a rede é deficitária, os transportes públicos insuficientes e desarticulados, por vezes até inexistentes, sem investimento, que incentive o seu uso, como é o caso da ferrovia com mais de 1000 supressões de comboios em 2018.


O PSD Algarve apela ao Governo, para que realize essa maior justiça e equidade social e territorial de modo a que se supram as maiores diferenças e caminhemos para a igualdade de acesso e oportunidade de um serviço essencial para as populações.


A Comissão Politica Distrital do PSD/Algarve

Agenda

Canal de Vídeo

Newsletter