Chumbo da Requalificação da EN 125 é mau para o sotavento e põe a nu o comportamento do Governo neste processo

02/07/2018

O PSD Algarve tem procurado sensibilizar os sucessivos governos para a importância da integral requalificação da EN -125, a qual tem decorrido muito lentamente frustrando as legítimas expectativas dos cidadãos e sem dar a prioridade que o Algarve merece.


O atual Governo sempre alegou que o problema das obras entre Olhão e VRSA era o Tribunal de Contas e fê-lo escudando-se nessa  instituição para se eximir das suas responsabilidades. A renegociação da concessão apresentada pelo Governo PS fracassou. Foi chumbada em 2017 e novamente em 2018. Não obstante esse facto, em 2016, 2017 e 2018 foram-nos apresentados calendários de obras, calendários não cumpridos sucessivamente.Nunca foi intenção do Governo avançar com a obra, por isso levou mais de 2 anos a apresentar pela primeira vez o processo no Tribunal de Contas.


Tudo isto coincide com a redução do investimento público  a que temos assistido, abaixo do que se realizava no tempo de aperto financeiro.


Se tal era necessário na iminência da ruptura das finanças públicas, porque razão quem declara não haver austeridade a pratica na nossa região, violando todos os seus compromissos?


O PSD Algarve quer que a obra de requalificação avance seja quem for Governo, e apoiará essa obra seja quem for Governo, mas não admite nem tolera o engano e a dissimulação que têm marcado este processo.


Os Algarvios precisam destas obras. Para melhorar a mobilidade, a segurança dos cidadãos, a economia e a qualidade de vida.


Já é tempo de assumir as responsabilidades. A culpa era do Tribunal de Contas, agora passou para o PSD, a seguir será de não sabemos quem mais.


Quem tem a responsabilidade de Governo deve honrar o seu mandato. É isso que esperamos e que os algarvios exigem.



A Comissão Política Distrital do PSD/Algarve

Agenda

Canal de Vídeo

Newsletter