Deputados do PSD querem mais apoios para o Turismo do Algarve

12/02/2015

“São necessários apoios específicos para o Turismo do Algarve” afirmou o deputado do PSD, Bruno Inácio perante o Presidente do Turismo de Portugal.

Assembleia da República

Numa audição realizada na Assembleia da República pelo grupo de trabalho de turismo da Comissão de Economia e Obras Publicas, o Presidente do Turismo de Portugal, João Cortim, foi questionada sobre diversas matérias que dizem respeito ao Turismo do Algarve pelo Deputado Bruno Inácio, tendo o parlamentar solicitado mais apoio para o sector na região. 

As questões colocadas tiveram como premissa o facto do Algarve representar mais de 32% das receitas do sector a nível nacional, tendo em 2014 batido todos os recordes, ultrapassando as 16 milhões de dormidas. 
O parlamentar colocou questões relacionadas com a captação de novas rotas para a região, tendo o dirigente do turismo de Portugal informado que, em 2014 das 12 novas rotas conquistadas para o País, metade são rotas a operar no algarve e que o objetivo para 2015 é a obtenção de 15 novas rotas sendo parte igualmente substancial deste valor a direcionar para a região. 

Foi igualmente abordada a potencialidade do turismo de cruzeiros em Portimão, fruto dos investimentos de valorização que vão ser realizados no Porto, tendo o dirigente afirmado que é necessário trabalhar mais para a obtenção de cruzeiros que não façam apenas escala mas que sejam de partida inicial ou de chegada final pois os estudos indicam que são estes os que mais retorno económico trazem para as cidades. 

Entre outras matérias, Bruno Inácio, defendeu ainda que fossem alocados à região mais fundos para a concretização do plano de marketing estratégico para o turismo do algarve bem como para a valorização do destino.

Na ocasião o parlamentar teve oportunidade de elogiar o trabalho realizado pelo sector na conquista de tão bons resultados. “É um esforço coletivo que passa pelas entidades de turismo nacionais e regionais, pelos empresários, pelos trabalhadores do sector e por todos os que recebem bem os nossos visitantes.” Em jeito de conclusão o Presidente do Turismo de Portugal afirmou que espera um bom ano turístico em 2015 sendo que, quanto maior for o crescimento, mais difícil será manter os últimos níveis de crescimento. 


Assembleia da República
12 de Fevereiro de 2015

Agenda

Canal de Vídeo

Newsletter